segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Bushidō





Bushidō significa "Caminho do Guerreiro" ("bushi" = guerreiro e "do" = caminho), e pronuncia-se Bushidô.

Um autêntico Bushi do Japão Feudal.


Os samurais do passado seguiam o seu Caminho, este compreendido por um rígido código de conduta, honra e lealdade. Mas o caminho em si não era propriamente físico, e sim espiritual e filosófico, muito embora os samurais empregassem as artes marciais para consolidá-lo neste mundo, adestrando mente e corpo no processo de aplicação dos seus conceitos abstratos. 

E o conjunto das antigas técnicas de combate por eles dominadas é dito Kobudō.

Os guerreiros samurais empregavam um conjunto de técnicas marciais altamente letais.

Porém, dentre todas as armas, a espada era a mais emblemática para um samurai. Ela representava a vida e a essência da doutrina aplicada do Bushidō.



O Bushidō possuía fortes influências do Confucionismo, Xintoísmo e Budismo. Sobretudo, visava à elevação moral e espiritual do guerreiro praticante, muito mais do que o domínio marcial em si. O desapego permeava o Bushidō, de modo que um samurai compreendia muito bem a transitoriedade da vida. Um dos símbolos samuraicos era a flor de cerejeira, em razão da sua efemeridade na natureza. 

O Caminho do Guerreiro era a sua alma.

O Bushidō ressalta ainda virtudes superiores como o dever à pátria, o respeito familiar, a reverência aos antepassados, a coragem, a lealdade aos seus pares e chefes. Uma espécie de "Um por todos e todos por um" vivenciado em pleno Japão Feudal.

Estamos com você; mas você está conosco? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário